A pérola de grande preço


O reino dos Céus é também semelhante a um que negocia e procura boas pérolas; e, tendo achado uma pérola de grande valor, vende tudo o que possui e a compra. Mateus 13:45, 46

Quando Cristo comparou o reino dos Céus a uma pérola de grande preço, desejou levar toda pessoa a valorizar essa pérola acima de tudo o mais. A posse da pérola, que significa a posse de Cristo como Salvador pessoal, é um símbolo das riquezas mais altas. É um tesouro que paira acima de todos os tesouros terrestres.

Cristo está disposto a receber todos os que com sinceridade vão a Ele. Ele é nossa única esperança. É nosso Alfa e Ômega. É nosso sol e escudo; nossa sabedoria, nossa santificação, nossa justiça. Por Seu poder, unicamente, nosso coração pode ser diariamente guardado no amor de Deus. [...]


Em certa ocasião, Cristo advertiu Seus discípulos a que se acautelassem de lançar pérolas àqueles que não possuíam discernimento para reconhecer seu valor. [...] “Não deis aos cães o que é santo”, declarou, “nem lanceis ante os porcos as vossas pérolas, para que não as pisem com os pés e, voltando-se, vos dilacerem” (
Mt 7:6). [...]

Quando as pessoas se mostram não impressionáveis, incapazes de reconhecer a pérola de grande valor; quando lidam de maneira desonesta com Deus e o próximo; quando demonstram que seu fruto é o fruto da árvore proibida; acautele-se para que, ao se relacionar com elas, você não perca sua relação com Deus. [...]

A verdade como é em Jesus aperfeiçoa o ser humano e o mantém assim. A verdade é uma âncora segura e firme para o coração. Mas a verdade não é verdade para aquele que não lhe obedece. Sempre que o homem se afasta dos princípios da verdade, trai a verdade sagrada. Certifique-se toda pessoa, qualquer que seja sua esfera de ação, de que a verdade se acha implantada no coração pelo poder do Espírito de Deus. A menos que isso seja assegurado, os que pregam a Palavra trairão depósitos sagrados. Médicos serão tentados e naufragarão na fé. Advogados, juízes, senadores se tornarão corruptos e, entregando-se ao suborno, se deixarão comprar e vender. Aqueles que não andam na luz como Cristo está na luz, são líderes cegos guiando cegos. “São nuvens sem água, levadas pelos ventos de uma para outra parte; são como árvores murchas, infrutíferas, duas vezes mortas, desarraigadas” 
(Jd 12) (Review and Herald, 1º de agosto de 1899).


-> Texto: Ellen G. White, do devocional 2013 “Perto do Céu”, da Casa Publicadora Brasileira

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...