Cristo e a lei

A lei é santa; e o mandamento, santo, e justo, e bom. Romanos 7:12 

Os que desejam a salvação devem fixar a mente na cruz do Calvário.

É ali que o pecador pode contemplar o resultado do pecado. Ali pode ver o infinito sacrifício que foi feito para redimi-lo da punição por transgredir a lei de Deus. Ao reconhecer sua perdida condição, o transgressor vê em Cristo sua única esperança de salvação. Da cruz aprende as preciosas lições da vida [...] do Filho de Deus, que Se deu por nós. O Calvário revela os atributos inigualáveis do caráter divino. Ao contemplar a cruz, odiará o pecado, pois compreenderá que foi o pecado que rejeitou, censurou, negou, açoitou e crucificou a Majestade do Céu. [...] 


A cruz do Calvário mostra como Cristo engrandeceu e enobreceu a lei. Ela exigiu os méritos infinitos de Seu sangue para a expiação daqueles que recebem Seu amor e seguem Seus 
passos. O pecador pode obter perdão e paz unicamente por meio dAquele que nos ama e nos lava de nossos pecados em Seu sangue. Os que são convencidos do pecado diante da lei, exercitam o arrependimento para com Deus e demonstram fé em nosso Senhor Jesus Cristo cessarão de tentar anular a lei de Deus. [...]

Jamais conheceríamos o valor de Cristo se não fosse pela compreensão dos exaltados reclamos da lei de Jeová. Jamais avaliaríamos a profundidade do poço de onde Cristo nos resgatou, se não fosse pela compreensão da excelência dos preceitos da 
verdade. Jamais entenderíamos a profundidade do amor de Deus que está em Cristo Jesus se não fosse pela contemplação do maravilhoso caráter da lei do Céu e da Terra. À luz da santa lei, o pecador vê o Redentor como Ele é – cheio de misericórdia, compaixão, bondade e amor. Olhando para Jesus, e contemplando Seu amor inigualável por um pecador como ele, seu coração transborda em gratidão e paz celestial. [...]

Embora a lei de Deus seja de caráter santo e imutável, o adversário de Deus e do 
ser humano, o primeiro grande rebelde a transgredir os preceitos divinos no Céu, tem levado pessoas em todas as eras a declarar guerra contra Deus. [...] Ao entender o pecador que o pecado é a transgressão da lei e que a lei é o fundamento do governo de Deus no Céu e na Terra, ele se apressa a colocar os pés no caminho da justiça, para que possa estar livre de ofensa (Signs of the Times, 6 de julho de 1888).


-> Texto: Ellen G. White, do devocional 2013 “Perto do Céu”, da Casa Publicadora Brasileira.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...