Cisterna de Esperança

Conservemos os nossos olhos fixos em Jesus. Hebreus 12:2









Estamos em Roma. Apesar dos inúmeros pontos turísticos dessa cidade milenar, um em especial me causou profundo impacto. Não é possível ter absoluta certeza de que o lugar é exatamente onde se diz, mas ao menos ilustra o que pode ter acontecido. Não é um palácio, nem uma estátua, muito menos uma suntuosa igreja ou um conjunto de colunas imperiais. Na verdade, é uma prisão – escura, úmida, apertada e rústica. Mas é a famosa Prisão Mamertina

Sabe o que dizem dela? Foi lá que os romanos prenderam os apóstolos Paulo e Pedro. Obviamente, não dá para garantir, mas o lugar tem um clima sinistro. Entre rochas negras e com minúsculas janelas tornando os feixes de luz algo raríssimo, o local cheira um passado longínquo de dor e sofrimento.

E o pior? É embaixo que eles ficavam. Ali, sim, é de dar arrepios. Na verdade, construída para ser uma cisterna ou reservatório de água, ela foi transformada em prisão para abrigar grandes personalidades. Generais inimigos ou transgressores famosos eram jogados por um estreito buraco na cela abaixo para não terem a mínima condição de fugir. Geralmente, partindo daquele local, o destino seguinte dos condenados era a execução pública. E dizem que isso aconteceu tanto com Paulo, decapitado logo a seguir, como com Pedro, crucificado de cabeça para baixo.

Tem que amar a Deus de maneira apaixonante para enfrentar tamanha provação, não é verdade? Quando você lê as frases de Paulo, ou as declarações de Pedro, consegue imaginar a perseguição extrema às quais eles foram submetidos? E tudo por pregarem sobre Jesus.
Bem ali, na Prisão
Mamertina, em certo momento desliguei minha máquina fotográfica e fechei os olhos. Orei pedindo forças a Deus para jamais me acovardar perante o mal. Pois a Bíblia alerta que os seguidores de Cristo serão perseguidos, injustiçados e ameaçados.
Agora, se Paulo e Pedro permaneceram firmes e inabaláveis num lugar tão tenebroso, não deveríamos ficar ainda mais fortes com tanta liberdade que nos cerca? 


Aproveite este dia para fortalecer sua paixão por Jesus. Fique firme e prepare-se para não se deixar enredar por qualquer armadilha do mal. Se naquela horrorosa cisterna foi possível não perder a fé, Deus lhe dará força e ânimo para seguir em frente. E essa esperança será sua verdadeira liberdade. 


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...