Segredo para resistir a tentação sexual

“Cria em mim um coração puro, ó Deus, e renova dentro de mim um espírito estável. Não me expulses da Tua presença, nem tires de mim o Teu Santo Espírito. Devolve-me a alegria da Tua salvação e sustenta-me com um espírito pronto a obedecer” (Sl 51:10-12). 

Davi escreveu essas palavras depois que o profeta Natã confrontou-o sobre o adultério com Bate-Seba. O salmo é, portanto, uma súplica por pureza e uma oração em que Davi clama a Deus para ser restaurado à alegria de um relacionamento reto.

Deus quer que vivamos em contraste com o mundo. A tentação sexual se encontra em toda parte. A atitude em relação ao sexo casual e à imoralidade em nossa sociedade avançou bem além do que a maioria das pessoas poderia imaginar. 


A advertência de Deus é que “vocês se abstenham dos desejos carnais que guerreiam contra a alma” (1
Pe 2:11). Aquilo que cobiçamos – sexo, bens materiais, prestígio, dinheiro, poder – destrói nossa alma.

Existe um meio de resistir às tentações da carne, especialmente a tentação sexual: adorar a Deus. Essa deve ser, porém, nossa primeira reação, e não uma resposta posterior ao fato consumado. O rei Davi deveria ter agido assim.

Tudo começou com um pensamento pecaminoso. Ninguém comete adultério sem antes ter pensado nisso. É no primeiro pensamento que a oração deve ser feita. Mais tarde Davi confessou tudo e mostrou-se arrependido. Mesmo assim, graves
consequências resultaram de seus atos.

Todos nós cometemos erros. Não permita que a culpa oriunda deles o separe de Deus. Para vencer a tentação, apresente-se diante do Senhor tão logo ela lhe surja na mente pela primeira vez. Não espere como fez Davi. Vá a Deus e confesse. A seguir louve-o como o Deus que é mais poderoso que qualquer tentação. 


(Stormie Omartian via Amilton Menezes)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...