Escola faz meditação budista antes das aulas, enquanto orações cristãs estão sendo proibidas

            Recentemente, o Brasil assistiu a discussões na mídia sobre a proibição ou não de se fazer orações e leitura da Bíblia em sala de aula. 


A chamada “lei do Pai Nosso” instituiu na cidade de Ilhéus, que uma oração fosse feita todos os dias antes de se iniciar as aulas. Alguns meses depois, a Justiça da Bahia suspendeu a lei.

Curiosamente, uma outra prática espiritual não cristã tem recebido elogios. A Escola Estadual Hiroshima, na cidade de Eldorado do Sul, Rio Grande do Sul, passou a usar a meditação para crianças em idade escolar. O trabalho é desenvolvido há pouco mais de dois anos pela psiquiatra Anmal Arora.

Trata-se do projeto Meditação pela Paz, que é parte das ações da ONG Mente Viva. São 15 minutos diários de concentração e entoação de mantras, práticas budistas que, segundo a diretora da escola, Eliana Salazar dá bons resultados.

Fonte: Zero Hora

Nota:

Diversas escolas públicas que realizam orações e leitura de algum trecho da Bíblia viraram alvos da imprensa e de políticos da ala esquerdista. Eles alegam que o estado brasileiro é laico e por conta disto tais práticas cristas devem ser removidas das escolas.

O Rio Grande do Sul é governado pelo PT. Resta saber o que, tanto o partido , quando os demais políticos de esquerda desse País farão em relação às aulas precedidas de orações budistas.

Se nada for feito pelo governo do RS, nem pelas demais autoridades estará configurado que o tal ‘estado laico’ que defendem, na verdade é um estado ‘anticristão’, onde todas as religiões podem fazer tudo, menos à exceção dos cristãos.

Recentemente uma professora evangélica de São Paulo foi “linchada pela imprensa” por orar antes das aulas. A mesma imprensa (que é manipulada e manipuladora) está bem caladinha, até o presente momento, diante das aulas obrigatórias de budismo na escola do Rio Grande do Sul.

Olho atento nessa gente!

Vamos aguardar, tanto a atitude da imprensa como das autoridades.

         Fonte: Holofote.Net
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...