Um dia de cada vez


Para que possais andar dignamente diante do Senhor, agradando-lhe em tudo, frutificando em toda boa obra e crescendo no conhecimento de Deus. Colossenses 1:10

Recordo-me de um incidente que li certa vez a respeito de um senhor idoso que se havia desgastado pelo trabalho árduo, mas ainda estava à procura de algum emprego pelo qual pudesse obter seu sustento. Certo nobre, que possuía cem toras de madeira para serem cortadas, foi informado do desejo daquele senhor. Disse-lhe que se cortasse a madeira, ganharia cem dólares pelo trabalho. O senhor rejeitou a oferta dizendo que não podia fazer aquilo. Era-lhe impossível, pois já estava idoso e incapaz de realizar tal trabalho. “Bem”, respondeu o nobre, “faço-lhe uma proposta diferente. O senhor pode cortar apenas uma tora hoje? Se puder, pagarei um dólar pelo serviço. A proposta foi aceita e a tora de madeira foi cortada naquele dia. “Agora”, disse o nobre, “o senhor pode cortar outra tora amanhã.” Outra tora foi cortada no dia seguinte e, assim, o trabalho inteiro foi realizado. Em cem dias, o trabalho foi completado, e o trabalhador desfrutava da mesma saúde de quando iniciou a tarefa. Ele foi capaz de cortar tora por tora, mas ao ser-lhe apresentado a trabalho como um todo, seu cumprimento parecia impossível.

Essa história representa bem o caso de muitos que estão indecisos. Eles sentem o desejo de ser cristãos, no entanto, as responsabilidades da vida cristã parecem-lhes tão grandes que temem fracassar, [e] estão quase certos de que nunca serão capazes de cruzar a linha de chegada se tentarem. Porém, ao levar esse assunto em consideração, não devem atentar para o fim da jornada cristã; não devem compreender e realizar tudo de uma vez.

Apenas um dia de cada vez com seus fardos e responsabilidades nos é apresentado.

Sim, queridos amigos, querida juventude, o amanhã não nos pertence. São os deveres de hoje que devem ser realizados. Se você decidir se colocar ao lado do Senhor e sair do mundo, separar-se, escolher tornar-se filho ou filha do Senhor Todo-Poderoso, abandonar as fileiras do inimigo, o serviço do pecado e de Satanás, determine-se a realizar sempre o dever que lhe cabe no presente. Busque os deveres de hoje, compreendendo que o Senhor tem exigências a seu respeito, que você é responsável para com o Criador; tais exigências devem ser cumpridas apenas um dia de cada vez. Na força de Deus, enfrente-as crendo que você pode vencer este dia 
(Signs of the Times, 31 de janeiro de 1878).
-> Texto: Ellen G. White, do devocional 2013 “Perto do Céu”, da Casa Publicadora Brasileira

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...