Graça Para os Canhotos


Seus discípulos Lhe perguntaram: “Mestre, quem pecou: este homem ou seus pais, para que ele nascesse cego?” João 9:2

Há 36 anos, declarou-se o dia 13 de agosto como o Dia Internacional dos Canhotos. Essa data foi escolhida porque na época ainda não era feriado e porque, em 1976, aconteceu de cair numa sexta-feira 13.

Os canhotos compõem 10% da população. Eles enfrentam uma luta eterna contra o preconceito cultural da maioria destra. Desde a antiguidade prevalece a noção de que esquerdo é sinônimo de ruim. A palavra francesa gauche significa “esquerdo” e também “desagradável, desajeitado ou deficiente em graça”. Na Bíblia, o lado direito é considerado o lugar de honra (
Sl 110:1-5).

Os canhotos têm que lidar com milhares de inconveniências, desde teclados de computador (apesar de Bill Gates ser canhoto!) até abridores de lata, motosserras, porta-papel higiênico e carteiras escolares. Eles nem mesmo conseguem brincar de palavras cruzadas sem ter que levantar continuamente a mão!

Não é de surpreender que alguém tenha tido a brilhante
ideia de selecionar um dia para lutar pelos direitos dos canhotos. Mas o plano fracassou – a organização que deu início ao movimento não existe mais. Os canhotos são deixados com o pensamento consolador de que o lado direito do cérebro controla o lado esquerdo do corpo, e por isso os canhotos são as únicas pessoas mentalmente direitas.

Elas também podem orgulhar-se da companhia de muitas pessoas famosas: Henry Ford, Albert Einstein, Gandhi, Winston Churchill, Rainha Elizabeth II e sete presidentes dos Estados Unidos, incluindo Ronald Reagan, George H. W. Bush e Bill Clinton.

Os Evangelhos não mencionam a presença de pessoas canhotas entre os seguidores de Jesus, mas certamente elas estavam lá. O Salvador deixou bem claro que nossa constituição física, sobre a qual não temos controle (altura, cor, gênero, etnia), não faz diferença para Ele. Na ocasião em que os discípulos Lhe perguntaram de quem era a culpa de aquele homem ter nascido cego, Ele respondeu: “Nem ele nem seus pais pecaram, mas isto aconteceu para que a obra de Deus se manifestasse na vida dele” (
Jo 9:3).

Como sempre, as pessoas hoje expõem algumas minorias simplesmente por serem diferentes. Mas a graça muda tudo. Quer sejamos altos ou baixos, negros ou brancos, canhotos ou destros, essas coisas são assim para que a obra de Deus se manifeste em nossa vida.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...