Voo de Bicicleta


A alegria que o Senhor dá fará com que vocês fiquem fortes. Neemias 8:10

Estudei com ele por quatro anos até virarmos pastores. Vida de internato traz oportunidades e experiências incríveis, dentro e fora da sala de aula. Minha amizade com Ivan Saraiva foi assim. Se hoje a responsabilidade do ministério nos amadureceu, uma lembrança sempre nos rejuvenesce.

Passear de bicicleta emprestada, perambulando pelas trilhas do colégio, em Engenheiro Coelho, SP, era uma diversão incrível. Naqueles anos, os prédios em construção e as ruas de terra nos faziam experimentar um ambiente rústico e cheio de barro. Um dia, inventamos de descer a ladeira de terra entre os laranjais que desembocavam na Lagoa Bonita. “Quem chegar por último limpa o quarto”, apostamos irracionalmente.


Voamos estrada abaixo, pedalando alucinadamente, aos gritos, enquanto a bicicleta trepidava com o cascalho espirrando. Empatados, chegamos próximo à lagoa. Só faltava o freio. De fato, faltou para ambos. “Freeeeia!”, foi a última coisa que se ouviu antes de decolarmos para o voo que terminou em um mergulho assustador. Como o lago era fundo, precisamos de algum esforço para salvar a vida e também as bicicletas. Só depois de estarmos “sãos e salvos” e darmos boas risadas, entendemos a lição: depois de certa velocidade, somos incapazes de parar.

Já notou como ninguém tem paciência hoje? Tem gente que não consegue esperar cinco segundos para abrir uma página da internet, nem consegue ler nada até o fim. Esperar parece a morte. Da velocidade dos gigabytes por segundo aos quilômetros por hora, viramos a geração do “para ontem”. O problema é que Satanás aproveita isso, levando gente boa a fazer muito, mas pensando pouco.

Descemos ladeira abaixo para perceber, tarde demais, que não conseguimos brecar. Cuidado! Tudo o que fazemos às pressas é problema certo: decisões afobadas para o sábado à noite, festas fora de hora e de lugar, substâncias desconhecidas e passeios de última hora podem ser a maior roubada. Proteja­se das viagens irresponsáveis. Afogar a bicicleta é uma coisa, estragar a saúde e às vezes a vida é bem mais sério – e não tem a menor graça. Você foi feito para aproveitar a vida, e não para jogá-la fora pela influência do grupo. Pare, pense, reflita. Através da Bíblia, Deus orienta você quanto ao momento de avançar e quanto à hora de brecar. 


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...