Auxílio invisível


Abençoou Deus o sétimo dia e o santificou, porque nele descansou de toda a obra que realizara na criação. Gênesis 2:3, NVI

São 7 horas da manhã de sexta-feira. As crianças já saíram de casa e estou pensando no novo dia. Há tanta coisa para fazer! Nunca serei capaz de administrar tudo; preciso de ajuda. Em minhas devoções, sinto a paz inundando meu coração e assim posso começar o dia.


Preparo rapidamente a massa do pão. Quero que minha família tenha uma boa refeição à noite. Antes de sair com o cachorro, consigo limpar o banheiro. Agora posso sair com o cão. Nesse momento, toca o telefone. “Oi! Precisei telefonar para lhe contar tudo o que tenho no coração. Você tem tempo?” Ah, Senhor, por favor, dá-me tempo!

Finalmente, meia hora depois, o cachorro pode sair. Não importa; será uma caminhada rápida. Mas passa uma hora até que eu retorne, acompanhada por um vizinho que me conta que recebeu o diagnóstico de câncer.

Faço um bolo, preparo o almoço do dia seguinte e coloco as batatas para cozinhar para o almoço de hoje. As crianças voltam da escola. Elas me entregam seus recipientes do sanduíche e garrafas de água, bilhetes de informação para os pais, e boletins para assinar. Após o almoço, as crianças fazem o dever de casa. Apesar de tudo, a cozinha está finalmente limpa.

Meu esposo volta do trabalho. “Querida, vou passar o aspirador no andar de cima.” Maravilha! Só precisarei passá-lo no piso térreo e passar um pano no chão. Quando termino, as crianças já tomaram banho. Olho o relógio.

O tempo, acaso, parou? Ainda tenho uma hora até o pôr do sol. Posso preparar uma bela refeição, além de preparar-me mentalmente para o sábado.

Com muita
frequência, só tarde da noite consigo terminar o trabalho e fazer as coisas importantes. Mas, vez após vez, noto que meu trabalho fica pronto mais rapidamente nas sextas-feiras, particularmente quando tomo tempo para ouvir as preocupações de outras pessoas. No deserto, Deus ajudou Seu povo a se preparar para o sábado: caía porção dupla do maná às sextas-feiras, e ele se conservava pelo dobro do tempo em comparação com os outros dias. Passo por essa experiência hoje. Recebo uma bênção sabática já na sexta-feira, porque Deus me auxilia em meus preparativos. Assim, posso celebrar o sábado com o coração agradecido.

(Heike Steinebach in Meditação da Mulher)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...